Vôlei Sentado

Por: Célio Cesar Mediato (Técnico da Seleção Brasileira Masculina)

Como é disputado

 

Segue as regras do Voleibol Convencional da FIVB (Federação Internacional de Voleyball), com algumas diferenças básicas aplicadas: 

 

  • Praticado sentado no chão;

  • Medida da Quadra: 10x6m (zona de ataque 2m);

  • Rede:  0,80m (Largura) x 7m (Comprimento);

  • Altura da Rede:  1,15m – Masculino e 1,05m – Feminino;

  • É permitido bloquear e/ou atacar o saque;

  • É proibido o atleta perder o contato dos glúteos no momento da execução do saque, bloqueio e ataque, salvo exceções a defesa. Essa infração é chamada de “lifting”.

Também jogado com seis jogadores de cada lado da quadra, podendo se necessário e quiser utilizar o Líbero.


A pontuação é a mesma do Voleibol convencional, sendo uma partida disputada em melhor de 5 Sets de 25 pontos cada (mantendo uma diferença mínima de 2 pontos), com exceção do 5º Set (chamado de Tie Break) disputado em 15 pontos (mantendo uma diferença mínima de 2 pontos).


O vencedor será declarado para a equipe que primeiro ganhar 3 sets.

 

Quem pode praticar?

 

Amputados, paralisados cerebrais, lesados medulares, entre outras deficiências físicas.

 

A classificação na modalidade

Todo atleta é submetido uma classificação funcional, no qual são realizados testes de força, movimento e técnica.


Primeiro é feito um exame físico para verificar exatamente qual a deficiência do competidor. Depois, na avaliação funcional, são realizados testes de força muscular, amplitude de movimento articular, medição de membros e coordenação motora. A última etapa é o exame técnico, que consiste na demonstração da prova em si, com o atleta usando as adaptações necessárias em situação de jogo (realizado em uma partida).


Após essa Classificação os atletas considerados elegíveis para a modalidade, são classificados em:


VS1 – Deficiente (exemplo – amputações)
VS2 – Mínima Deficiência (exemplo – artrodese de tornozelo)


*cada equipe pode ter no máximo dois atletas VS2 inscritos, sendo que ambos não podem estar jogando juntos dentro da quadra e sim apenas um por vez.

A modalidade no Brasil

 

O vôlei sentado é gerido nacionalmente pela Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes. Mais informações em www.cbvd.org.br.

 

O Vôlei Sentado Brasileiro nos Jogos Paralímpicos

 

0 ouro

0 prata

1 bronze

Regras Oficiais (em inglês) - clique aqui
Descrição da Modalidade

Gasto Calórico

Impacto

Contato entre Competidores

© Copyright 2020 paratleta.com.br. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Ícone cinza LinkedIn